Jazz: “The Smoking Time Jazz Club”, na Royal Street, em Nova Orleans.

Eu não sei dizer quanto tempo vai demorar para que eu possa assistir ao mais belo e espontâneo jazz de rua em New Orleans, nos arredores da Royal Street… Lá, meus amigos, ainda se poder ver músicos de qualidade executando belas performances. E o melhor de tudo, isso sim, é que eles nos fazem acreditar que a vida pode e deve ser bela. Para o deleite de todos, vale a pena nos deixarmos embalar por esse ritmo arrebatador. Afinal, o único risco que corremos é de sermos felizes, leves e soltos!

Uma coisa eu asseguro: prometo a mim mesmo e a minha família que nós teremos o prazer de usufruir desse presente… O mais breve possível.

Até lá, vamos curtindo o jazz do jeito que podemos!

 

Publicado por

Carlos Holbein

Professor de química por formação ou "sina" e escritor por "vocação" ou insistência...