Viagem: o Rio de Janeiro continua lindo!

De volta ao meu querido Rio de Janeiro, que me acolheu durante 42 anos. De volta o brilho nos olhos por poder sentir essa incrível emoção que é rever lugares, pessoas e memórias. Afinal, em cada lugar que andamos eu relembro histórias e causos…
Então, a minha primeira impressão é de que Gilberto Gil tinha razão: “o Rio de Janeiro continua lindo!”
Comecamos pelo centro da cidade, que surpreende pela limpeza, apesar dos “ambulantes” vendendo tudo e em todos os lugares…
Ah, a Biblioteca Nacional é, de fato, um lugar fora do mundo: lindo, mágico, suntuoso! E para quem ama as letras, não há lugar mais sedutor… bem, talvez, o Real Gabinete Português. Meu Deus, o que é aquilo, minha gente?! E tem também o Paço Imperial, que abriga a história da corte carioca.
E como ninguém é de ferro, terminamos o passeio na Confeitaria Colombo do centro, que nos devolve todo e qualquer “glamour” que a cidade extraviou.
Sim! Ia esquecendo: como estamos hospedados na Barra da Tijuca, onde foi a minha última moradia carioca, temos agora a vantagem de irmos a todos os cantos de Metrô e BRT. Uma maravilha! Por isso, resolvemos passar no Leblon e comer a deliciosa pizza da Pizzaria Guanabara…
Até amanhã, gente!