Jazz: CD “When I look in your eyes”, com Diana Krall.

Lembro bem que eu já havia dito ao Edson Busch: parceiro, você precisa conhecer a canadense Diana Krall. O que ela está produzindo de excelente jazz não está no mapa! Além de boa pianista, tem uma belíssima voz. Até parece uma americana de New Orleans, tal a intimidade com que passeia pelos “blues” e baladas. E é interessante perceber a trajetória dessa turma. Diana começou estudando piano clássico na “Berklee College of Music” e teve a influência, segundo ela mesma, de Fats Waller, Peggy Lee, Julie London e Nat King Cole. Precisa mais?!

Sim, eu dizendo, então, ao Edson: olha, amigo, esse CD que ela gravou é algo antológico. A quarta faixa do disco, que dá título ao álbum, “When I look in your eyes” é definitiva, alcançando extraordinária “dramaticidade”. Confesso: há muito tempo não me emocionava tanto com uma canção! Dessas de que somos capazes de repetir algumas vezes, sem nenhuma cerimônia!

“I’ve got you under my skin” é outra conhecida melodia que adquire especial interpretação na voz de Diana Krall. Ao ouvir a melodia pela primeira vez, lembrei-me de quando era rapazinho. Ah, vocês nem imaginam: época de dureza, no velho fusca 63. Eu e ela, ali, abraçadinhos no banco detrás do carro. Falando muito pouco. Apenas um som ofegante e alguns murmúrios… “Não é que dás um banho!”, diria o amigo Batista, manezinho aqui da ilha…

https://www.youtube.com/watch?v=K-CDqURnOdI

 

Diana Krall